sábado, 19 de abril de 2008

vc não me pega ... dona Vida ...


A VIDA NOS PREGA CADA PEÇA ...


Quando se imagina que os problemas e feridas foram solucionados a vida e o Sr. Destino nos prega uma peça e nos surpreendem com certas situações que muitas vezes nem imaginamos que seria possível acontecer tamanho feito.
Maria Eduarda vive situações inusitadas acompanhada do Sr. Café mas mesmo assim consegue ficar surpresa com determinadas atitudes de seus semelhantes. Ora de forma positiva ora de forma negativa e algumas vezes fica um ponto de interrogação e só o Sr. Tempo pode responder alguns questionamentos.
Que justificariam essas atitudes surpreendentes e podemos compreender que Duda mesmo passando por alguns percalços ainda se mantém inocente e por isso a vida lhe surpreende.
Por isso o Sr. Café tem certos temores para com ela, antes ela era puro instinto e ansiedade pura, hoje depois de cuidar de algumas feridas e magoas ela se apresenta mais seletiva do que era outrora e o receio sempre toma conta de seu ser.
Como diz o ditado popular: “gato escaldado tem medo de água fria”.
Mas tem um fator positivo em tudo isso, apesar de tudo Duda ainda acredita em si mesma e quando é pertinente dá a possibilidade do outro se redimir. Lógico que deixa as suas defesas egóicas em alerta.
Afinal de contas como diz outro ditado popular: “errar uma vez é humano, três é burrice”.

Um comentário:

EU TAMBÊM QUERO FALAR "UMAS"!!! disse...

Essa menina é tão especial que fez
um cara ficar parado na dela. De onde vem tanta auto estima, minha heróiana?!
Faz homens chorarem feito bebês, à procura de sua atenção.
BEIJOS. CARLOS.